Notícias da Paróquia › 06/06/2019

Doação de Sangue e Medula Óssea

Restrições
– Bebidas: 12 horas
– Tabagismo: 2 horas
– Colonoscopia: 6 meses
– Sem gripe, resfriados, alergia, diarreias, feridas e/ou machucados
– Refeições leves e não gordurosas 4 horas *antes* do exame
– Pressão alta ou baixa no momento da doação
– Extração dentária ou tratamento de canal: 7 dia

Quem pode doar sangue
• Homens e mulheres com idade a partir de 18 até 69 anos, 11 meses e 29 dias.
• Doadores de 16 e 17 anos são aceitos na doação se acompanhados dos pais e/ou responsável legal.
• Após 60 anos, ambos os sexos, podem doar a cada seis meses (2 vezes por ano).
• O doador deve estar em boas condições de saúde (sem gripe, resfriado, diarréia ou alergias), sem feridas e/ou machucados pelo corpo ou na boca.
• Homens e mulheres que tenham mais de 50 kg.
• Pessoas alimentadas (o doador NÃO deve estar em jejum). Fazer refeições leves e não gordurosas nas últimas 4 horas que antecedem a doação.
• Que não tenham ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas que antecedem a doação.
• Que não tenha fumado nas 2 horas que antecedem a doação.
• Que tenha feito exame de endoscopia há mais de 6 meses.

Quem não pode doar sangue
Quem tem idade inferior a 16 anos ou superior a 70.
Estiver com hipertensão ou hipotensão arterial no momento da doação.
Estiver com febre no dia da doação.
Estiver com aumento ou diminuição dos batimentos cardíacos no momento da doação.
Estiver com anemia no teste realizado antes da doação.
Estiver em tratamento de hipertireoidismo.
Gestantes ou mulheres que amamentam bebês com menos de 12 meses.
Quem tem peso inferior a 50 kg.
Quem mantém relações sexuais de risco.
Fez ou faz uso de algumas drogas ilícitas nos últimos 12 meses.
Problemas cardíacos (necessita avaliação e declaração do seu cardiologista)
Quem tem hipertireoídismo ou tireóide de Hashimoto.
Quem fez endoscopia há menos de seis meses.
De acordo com as normas vigente são inaptos os candidatos que:
Tem ou teve um teste positivo para HIV.
Teve hepatite após os 11 anos.
Teve malária.
Tem doença de chagas.
Infecção por HBV (Hepatite B), HCV (Hepatite C), HIV E HTLV I/II.
Recebeu enxerto de duramater.
Teve algum tipo de câncer, incluindo leucemia.
Tem problema de coagulação de sangue.
É diabético com complicações vasculares (diabetes do tipo I e II insulodependentes).
Já teve elefantíase.
Já teve Hanseníase (lepra).
Já teve brucelose.
Tem graves problemas de coração, pulmão, rins ou fígado.
Foi submetido à gastrectomia total.
Já teve tuberculose extra-pulmonar.
Já teve calazar (leishmaniose visceral).
Foi submetido à pneumectomia.
Tem alguma doença que gere inimputabilidade jurídica.
Foi submetido à esplenectomia não decorrente de trauma.
Foi submetido a transplante de órgãos ou medula.
Tem doença auto-imune.

Imprimir